Empregos e Estágios


Artigo Publicado em: Emprego


Quando estamos cursando o Ensino Médio (normal ou técnico) ou Ensino Superior, é preciso realizar um estágio obrigatório supervisionado (com um certo número de horas a ser cumprido e devidamente assinado por um profissional da área), e além disso ele serve também como forma de já ir entrando no setor escolhido. Por isso, o estágio é muito interessante, já que traz benefícios à formação do estudante, pois assim ele consegue associar a teoria aprendida com a atividade prática.

Para ser estagiário, é necessário estar devidamente matriculado em um curso, seja ele superior ou de ensino médio. Fazer um estágio é aprender na prática o dia-a-dia da profissão escolhida, e esse é um momento de bastante aprendizagem. Após o estudante se formar, ele não poderá mais ser estagiário, e precisará de um emprego tradicional, pois o seu curso já estará completo e já terá bagagem o suficiente para desempenhar a função. Os estagiários possuem leis diferentes das que regem os funcionários contratados pela CLT, como ter no máximo a carga horária de seis horas por dia e não ter direito ao pagamento de 1/3 e férias e décimo terceiro salário, por exemplo.

Além disso, o estagiário poderá no máximo trabalhar por dois anos na mesma empresa. Já o funcionário normal, contratado via CLT, pode fazer oito horas diárias e horas extra quando necessário, além de não ter prazo definido de tempo de trabalho, pode trabalhar até 40 anos na mesma empresa sem nenhum problema. Além disso, tem direito a depósito de FGTS (Fundo de garantia por Tempo de Serviço), INSS, décimo terceiro salário, férias remuneradas, aviso prévio, etc. Por isso, é importante saber qual é o seu momento profissional para saber qual dessas opções é a melhor para essa etapa da sua vida, para ser aproveitada da melhor maneira possível.

Muitas pessoas que estão iniciando em uma área profissional acabam optando pela realização de um estágio, onde podem aprender e aprimorar seus conhecimentos, evoluindo ainda mais em sua carreira para, posteriormente, ingressar em um emprego fixo, que lhe disponibilize diversos benefícios.

O estágio é obrigatório, muitas vezes, em instituições de ensino técnico ou superior, onde o estudante deverá estar matriculado corretamente em um curso de sua preferência, que deverá condizer com a área do estágio, onde o mesmo somente poderá prestar serviços para a mesma empresa por somente dois anos, devendo ser efetivado ou sair do cargo, além de somente trabalhar em um período de seis horas por dia.

Já o funcionário de um emprego comum tem benefícios como carteira assinada, direito ao 13º e até mesmo férias, além de ser comum que o período de trabalho do mesmo seja de oito horas por dia e até mesmo a realização de hora extra quando necessário ou desejado. Um empregado normal poderá prestar serviços por tempo indeterminado.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *