Cursos Tecnólogos


Artigo Publicado em: Cursos


Curso tecnólogo é um modo de graduação que tem o objetivo de formar profissionais para atender campos específicos de trabalho. É um curso superior, mas classificado como curso superior de tecnologia. A duração nesses tipos de cursos é menor, variando de 2 a 3 anos, e o conteúdo é mais compacto. Com a graduação em tecnólogos os formados podem se candidatar a cargos públicos e privados.

O Ministério da Educação elaborou o Catálogo Nacional dos Cursos Superiores de Tecnologia como uma referência para estudantes, educadores, instituições, sistemas e redes de ensino. Na lista existem diversos cursos, porém, os mais procurados são: Comunicação Institucional, Construção Civil, Fotografia, Gestão Ambiental, Gestão de Recursos Humanos, Gestão da Tecnologia da Informação, Logística, Marketing, Eletrônica Industrial, Segurança da Informação, Sistemas de Internet, Sistemas de Telecomunicações entre muitos outros.

Por exemplo, o curso de tecnólogo em logística apta o profissional a se especializar em armazenagem, distribuição e transporte. Ele também poderá ser responsável pelo gerenciamento da cadeia de suprimento, além de programar e controlar, de maneira eficiente e eficaz, o fluxo direto e reverso e armazenagem de bens e serviços e informações relacionadas. As unidades logísticas estabelecem processos de compras, identificando fornecedores, negociando e formando padrões de recebimento, armazenamento, movimentação e embalagem de materiais.

O tecnólogo em Gestão Ambiental ou Controle Ambiental é um curso que tem como objetivo formar profissionais que tratem de questões relacionadas ao controle e ao gerenciamento ambiental. O curso capacita o profissional a buscar de maneira mais adequada, uma melhor qualidade das atividades produtivas desenvolvidas numa determinada região, além de proporcionar melhor qualidade de vida para estas populações.

O curso em Eletrônica Industrial possibilita o profissional a otimizar e manter sistemas eletroeletrônicos, abrangendo desde os microprocessadores até os conversores estáticos de potência. Ele será capacitado para integrar sensores, transdutores, atuadores, controladores programáveis e programas de supervisão e controle, inclusive em sistemas com acionamento hidráulicos e pneumáticos.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *